5 de ago de 2013

Tic tac



Tic tac aqui dentro acelerado! Dúvidas sem fim, feridas que não se fecham.
Quem sou eu para interferir nos planos de Deus? Quem sou eu para dele duvidar?

Não quero temer, quero só entregar e confiar!
Que se faça o teu querer na minha vida, Senhor, e que eu não preciso entender, basta aceitar!

Um comentário:

♥ Luciana de Mira ♥ disse...

É tão bom passar por aqui e ver palavras assim! Adorei o post! Beijos!!