4 de ago de 2011

Ela - parte XI


   Aquela tarde foi mais do que ambos imaginaram. Naquela tarde ela havia se encontrado com o futuro. Felicidade era pouco pra descrever o seu estado. Depois de passarem horas conversando, rindo e se apaixonando um pelo outro, não havia mais o que se esperar ou dizer, os olhos já falavam mais do que tudo e  o coração não aguentava mais tanta ansiedade. 
   Sabe quando você sente que não precisa se enganar ou procurar motivos pra adiar o que você pode fazer com convicção agora? Pois é, era assim que ela se sentia.
   Ela tinha amadurecido e sabia que agora era capaz de não se deixar abalar por nada nesse mundo. Então olhou bem para os belos olhos que a admiravam e contemplou mais do que sinceridade, ela contemplou a paixão...

Um comentário:

Yohana SanFer disse...

Que bonito...paixão pura...bjs moça!