20 de ago de 2011

Ela - The end



Paixão que não se foi, muito pelo contrário, foi regada como uma planta. Cresceu e se tornou um amor com raízes bem profundas e grossas. Ela não sabia o que era aquilo, ela nunca soube o que era amor de verdade e muita gente ainda não sabe e até desacredita de um amor assim. Mas quando a gente consegue sentir alguém dentro da gente, quando o mundo se movimenta ao nosso redor e você ainda consegue só pensar em uma pessoa, quando o olhar se mantêm intacto, mas o coração trepida ao falar nesse tal ser humano, aí você é apresentado ao sentimento mais nobre do mundo.
"Nice to meet you", ela disse, eu disse, muitos deveriam dizer e ainda outros dirão. Bom saber!
Mas é assim que as coisas são, a gente tem a opção de escolher sempre, na alegria ou na tristeza. Não sei porque no sofrimento é mais difícil a gente escolher batalhar pra dar a volta por cima e, muitas vezes, quando é isso que escolhemos, esquecemos de uma peça fundamental, aliás peça não, o veículo inteiro: Deus.
Não sei se lembras, mas começamos a história da bela moça apaixonada com uma garota iludida e desacreditada de si e também dos outros. Uma garota que se perdeu no meio das identidades que buscava. Lembre também que ela escolheu dar um passo em falso e se perdeu novamente, mas agora em sua própria vaidade. Mas quando ela descobriu que não havia escolhido o bom e verdadeiro veículo tudo passou a dar certo de verdade, e quando falo 'de verdade' é que as coisas andam da forma que é melhor pra gente, mesmo a gente não entendendo.
Que bom que esse não foi o caso dela, porque ela entendeu e aprendeu a lição. Ora, o que poderia ser melhor para ela senão aquilo. A vida abriu uma mega gargalhada para ela, e não foi de ironia, é que sobrava felicidade.
Os dias foram se passando, as duas vidas se encaixando, rosas no balcão, festa, praia, emoção, cinema, bilhetes e muito amor no coração. Nada foi perdido, só acrescentado. Problemas ela ainda os tinha, mas quer saber de uma? Ela também ainda tinha um Deus.


 

by Jessica 

5 comentários:

Gigi disse...

Jhessi, Abençoado domingo :)
beijinhos no ♥

Eva Laís ●•ツ disse...

Lindo final! Deixando todo carinho nesse cantinho especial! Tenha uma ótima semana! BjO =)

Danila - Rоѕα čом єѕρіήноѕ ♀ disse...

Não li os outros, mas esse final ficou muito bom. Bem escrito. E sensível.

Parabéns, Jhessi

Jessica disse...

Obrigada meninas!! ^^

Stephanie C. de Mello disse...

Nossa que lindo.
Eu vi seu recado no meu blog hoje e ontem mesmo eu tinha chegado à conclusão de que eu havia feito escolhas sem pedir a proteção e guia de Deus.
Ontem me dei conta de erros que cometi e exatamente hoje acontecem coisas que não entendo, mas que tenho certeza de que de alguma forma me levarão para o destino que Deus traçou pra mim.
Muito lindo seu conto. Muito lindo.
Obrigada.