8 de out de 2012


"O amor é perigoso para quem não resolveu seus problemas. O amor delata, o amor incomoda, o amor ofende, fala as coisas mais extraordinárias sem recuar. O amor é a boca suja. O amor repetirá na cozinha o que foi contado em segredo no quarto. O amor vai abrir o assoalho, o porão proibido, fazer faxina em sua casa. Colocar fora o que precisava, reintegrar ao armário o que temia rever. 

O amor é sempre assassinado. Para confiarmos a nossa vida para outra pessoa, devemos saber o que fizemos antes com ela."

Fabrício Carpinejar

3 comentários:

Júh Britto ♥ disse...

Oi Jéssica
Tenha uma ótima semana adorei o texto

beijos

Júh Britto ♥ disse...

Oi Jéssica
Tenha uma ótima semana adorei o texto

beijos

Priscilla Campos disse...

Ola Jéssica...adorei o blog, to te seguindo....se puder passa no meu...
http://priicampos.blogspot.com.br
bjoo.